Mulher foi morta em Itabirinha por ter dado tapa na cara de um homem

Itabirinha registrou um feminicídio no último domingo com assassinato de uma mulher de 32 anos

Dois homens foram presos, nessa segunda-feira, 3, suspeitos de matar uma mulher, de 32 anos, a pauladas em Itabirinha, no Vale do Rio Doce. Segundo a Polícia Militar, o corpo de Poliana Ferreira foi encontrado enterrado no quintal da casa de um dos criminosos após denúncia.

Ainda de acordo com a PM, o crime ocorreu no último domingo, 2 e a vítima teve afundamento do crânio; o corpo estava em uma cova rasa. O dono da casa, onde o corpo foi enterrado, se escondeu em outro imóvel e foi preso no local.

O outro criminoso, de 40 anos, fugiu e foi encontrado pela polícia em Nova Belém (MG). O homem confessou o crime e disse que os dois premeditaram o homicídio por vingança porque a vítima deu um tapa no rosto do comparsa.

O caso foi registrado como feminicídio e os presos foram encaminhados para a Delegacia de Governador Valadares. (G1 Minas Gerais)

COMPARTILHAR